Africa Eco Race 2013

Elisabete Jacinto verificou hoje em Almeria

A piloto Elisabete Jacinto realizou hoje em Almeria, Espanha, as verificações técnicas e administrativas do Africa Eco Race 2013. O Team Oleoban /MAN Portugal recebeu o número 403 e amanhã parte para primeira etapa da prova que vai ligar as cidades marroquinas de Nador e Boudnib.

 

 

A equipa portuguesa está confiante e aposta na fiabilidade e qualidade de condução para atingir o objetivo de terminar a corrida no pódio. Elisabete Jacinto venceu nos dois últimos anos nove etapas no Africa Eco Race o que a torna no piloto com o maior número de vitórias em especiais dentro da categoria camião T4.

Na edição de 2012 da maratona africana também venceu uma especial à geral tornando-se um dos poucos pilotos de camião a conseguir este feito, a nível mundial, em provas FIA.

A portuguesa está confiante para a etapa de amanhã: “é entusiasmante ver chegar as equipas ao porto principalmente quando se tratam de camiões de corrida. Amanhã desembarcamos de madrugada e a noite vai ser curta. A primeira etapa é sempre a mais dura para mim. Partir na quarta posição não é mau de todo pois permite gerir melhor as muitas ultrapassagens que habitualmente se fazem”, comentou a piloto Elisabete Jacinto.

 

• 8 Camiões competem por lugar no pódio

• Piloto averbou o 2º lugar na categoria destinada aos camiões, em 2011

O Team Oleoban/MAN Portugal que terminou de forma brilhante a passada edição do Africa Eco Race, tendo conquistado o 2º lugar entre os camiões e a 4ª posição da classificação geral conjunta auto/camião e que alcançou o terceiro lugar no Rali de Marrocos, em Outubro, vai debater-se com equipas de peso.

O MAN TGS, com desempenho irrepreensível em pista, terá pela frente como mais direto adversário, o checo Tomas Tomecek, muito temido nas areias da Mauritânia, e vencedor das duas últimas edições desta grande maratona africana de todo-o-terreno. Para fazer frente às dunas o Team Oleoban/MAN Portugal conta com a robustez e fiabilidade do seu TGS. A dificultar a vida está também a equipa russa Kamaz e o húngaro Miklos Kovacs, vencedor em 2010, que regressa aos comandos de um Scania.

No total são 11 etapas, 13 dias, 5796 quilómetros distribuídos entre Marrocos, Mauritânia e Senegal. O fim do rali é a 9 de Janeiro de 2013 e será mais uma vez feito em Dakar, onde ocorrerá a já habitual especial nas margens do mítico Lago Rosa.

 

O Africa Eco Race 2013 vai iniciar a corrida amanhã em Marrocos numa etapa que será marcada pelas dificuldades de navegação que serão apresentadas logo à partida. Terrenos sinuosos, com muito cascalho e pedras serão também uma constante nesta especial que conta com 245 quilómetros.

Fonte: Anabela Martinho / Paula Silva 
Fotos: AIFA

 


Informação e divulgação gratuita de eventos e actividades dentro do espírito TTVerdePT, conforme as nossas condições gerais de divulgação.  Rejeitamos a responsabilidade pelas informações disponibilizadas por terceiros. Este site não se subordina aos novos acordos ortográficos, aos quais é indiferente, publicando os textos conforme as preferências dos seus autores.