Slalom em Castelo Rodrigo

Grande espetáculo e competição em Castelo Rodrigo

Foi mais um slalom de aquecer os ânimos e o asfalto! Figueira de Castelo Rodrigo recebeu, uma vez mais, neste fim de semana, a prova rainha do slalom nacional, servida em jornada dupla, numa luta de perícias e velocidade disputada ao centésimo de segundo.
O estádio municipal de Figueira, no sábado, e a Avenida Sá Carneiro, no domingo, encheram-se de um público caloroso que não poupou aplausos ao grande vencedor, Jorge Almeida, e também a Pedro Matos Chaves que acelerou no novo Renault Mégane RS, levando a seu lado público e convidados.

 

A jornada dupla do 14º Slalom de Castelo Rodrigo cumpriu novamente a tradição, apresentando uma grande prova onde 27 Pilotos e respetivas viaturas deram o melhor de si nos circuitos preparados para demostrar todas as suas capacidades de velocidade e perícia, tentando os melhores tempos. No final, as habituais acrobacias foram altamente aplaudidas pelos espectadores presentes em ambos os dias.

Como já é tradição, também o Clube Escape Livre quis acrescentar um espetáculo especial, convidando este ano um dos poucos pilotos portugueses que já entraram na Fórmula 1. Pedro Matos Chaves levou alguns espectadores escolhidos aleatoriamente e alguns convidados especiais a descarregar verdadeiras doses de adrenalina, mostrando em pleno as capacidades desportivas do novíssimo Renault Mégane RS. O espetáculo foi fortemente aclamado pelo público que mais uma vez encheu as duas bancadas do estádio.

A disputa pelos primeiros lugares foi renhida, e na etapa noturna, decorrida no estádio Municipal de Figueira, venceu Jorge Almeida, confirmando-se como um dos melhores pilotos de slalom da atualidade, ao registar o tempo de 46,56 segundos, enquanto Carlos Rosendo não ia além dos 47,17 e António Alexandre conseguia uns 47,60. Ainda em destaque, José Pouca Sorte, que proporcionou momentos de grande espetáculo, fazendo mesmo desaparecer o seu automóvel entre o fumo dos pneus.

 

No domingo, e apesar do calor, registou-se nova enchente de público que ao longo da Av. Sá Carneiro incentivada os pilotos a andar cada vez mais depressa.

Jorge Almeida mostrou-se imbatível, sendo sempre mais rápido que os seus adversários que terminaram nas mesmas posições de véspera, ou seja, Carlos Rosendo foi o segundo e António Alexandre o terceiro, lugares apenas alcançados na derradeira passagem, pois antes, Tiago Mateus chegou a intrometer-se no pódio.

 

 

Classificação Final (PDF)

Como o resultado final na dupla jornada de Castelo Rodrigo deriva do somatório dos tempos obtidos nos dois dias, Jorge Almeida foi o grande vencedor e 1º tração à frente enquanto Carlos Rosendo na segunda posição foi o 1º Mini e António Alexandre o 2º Mini. Tiago Mateus na quarta posição era o 1º tração traseira e Jorge Araújo em quinto lugar, o 2º tração à frente.

 

 

No final, o vencedor era um homem feliz e salientava que “vencer em Castelo Rodrigo é fabuloso, pois é a melhor prova do país e este ano correu tudo bem, pois venci no sábado e no domingo.”

Igualmente satisfeito estava o autarca de Figueira, António Edmundo, que referiu o facto de “O Slalom de Castelo Rodrigo ser uma prova que continua a atrair ao concelho muitas pessoas e ser uma referência a nível nacional”.

O slalom de Castelo Rodrigo é uma organização do Clube Escape Livre em parceria com o Slalom Clube de Portugal e com o apoio da Câmara Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo, e já se tornou num importante cartaz turístico do concelho.

 


Informação e divulgação gratuita de eventos e actividades dentro do espírito  TTVerdePT.  Declinamos qualquer responsabilidade referente a elementos publicados e que nos sejam disponibilizado por terceiros.
Este site também não se subordina aos novos acordos ortográficos, aos quais é indiferente, pelo que publica os textos conforme as preferências dos seus autores.